Dicas para iniciar um comércio de eletrônicos

Atualmente, o comércio eletrônico é um ramo que vem crescendo cada vez mais na internet e, principalmente, no Brasil. Apesar de ser uma prática relativamente nova no país, o comércio de lojas virtuais já nasceu há um bom tempo – a primeira loja virtual foi inventada por Michael Aldrich em 1979.

Nos Estados Unidos, as vendas online ganharam força em 1995 com o surgimento da Amazon.com, empresa que existe até hoje. Já no Brasil, a prática teve início mais ou menos 5 anos depois, por volta dos anos 2000. Desde então, os números de consumidores e vendas não param de crescer.

O mercado eletrônico no Brasil é bastante representativo no plano mundial. Apenas 5 anos após seu início, em 2005, já estávamos em 14° lugar, com movimentação financeira de R$2,5 milhões. Já ano passado, o Brasil ocupava o 7° lugar em países com mais potencial para venda na internet. Apenas no Dia das Mães de 2011, o Brasil faturou R$760 milhões. 2011 é um ano histórico no cronograma do comércio eletrônico nacional. E o comércio de eletrônicos, cada vez mais popular certamente tem uma grande parcela de participação nesse panorama.

Portanto, além de ser um mercado de potencial no mundo e no Brasil, ele cresce exponencialmente ano a ano. Como é comum acontecer, já que a cultura dos comércios eletrônicos vem sendo muito disseminada em território nacional, é notória a facilidade crescente para criar e manter uma loja virtual. Graças a essa popularização, o negócio se torna mais fácil tanto para o consumidor, quanto para o empresário. Do lado do consumidor, existem cada vez mais lojas e opções com as facilidades na Internet. Do lado do empresário, lojas virtuais se tornaram tão populares que existem as mais diversas formas de serem feitas. Plataformas OpenSource, como o Magento, e planos de hospedagem com loja virtual embutida são dois exemplos claros disso.  Com o mínimo de conhecimento e domínio sobre as linguagens de programação você pode abrir um comércio e colocar à venda produtos de sua escolha.

Quanto à escolha do tema para o seu comércio eletrônico não existe uma fórmula pronta. Tudo dependerá da usabilidade do seu site, da qualidade dos produtos e atendimento, e, principalmente, um “quê” de diferencial. Como todo produto de fácil acesso e popular, comércios eletrônicos são práticas comuns e os seus temas englobam praticamente tudo. Não importa se sua loja venderá eletrônicos ou produtos para veículos, como uma caixa trio automotiva. O sucesso de seu site vai além e depende da forma como você o conduz e o diferencia dos demais.

Acesse nosso site e confira os nossos serviços – www.nhsom.com.br

Deja tu comentario debajo